Seminários


Comunicação Interpessoal

Cada um de nós tem o seu jeito pessoal de comunicar-se com os outros. Cada um tem a sua forma de mandar, a sua forma de “dar uma bronca”, a sua maneira de explicar alguma coisa…

Às vezes, conseguimos ótimos resultados com nossa forma de comunicar. Outras vezes, acontece tudo ao contrário do que esperávamos… Na verdade, é grande a nossa responsabilidade pela forma como se desenvolve nossa comunicação com os outros. Como diz Anthony Robbins, “A comunicação é um eco. Se você não gosta do que está recebendo, preste atenção no que está emitindo.”

Conteúdo desenvolvido

Há um trabalho prévio, um questionário a ser respondido pelo participante e por duas pessoas que convivem com ele na empresa. O resultado dos questionários é um duplo perfil: como eu me vejo e como sou visto. O perfil revela apenas características pessoais na forma de se comunicar. Cada participante, com o que vai aprender, analisará seu perfil e refletirá sobre o tipo de respostas que está encontrando nos outros.

O Eu

  • Comunicação interpessoal: a expressão da individualidade
  • Comunicação verbal e não verbal
  • A comunicação reveladora da personalidade
  • A eficácia na comunicação: atuação ok. e atuação não ok. junto ao grupo.
  • Análise dos perfis individuais e das tendências de cada um

Eu e Você

  • A responsabilidade pela comunicação: a seqüência estímulo + resposta
  • Transações interpessoais: tipos de transações e tipo de relacionamento que se constrói:
    • disciplina inteligente x rigidez obsessiva
    • apoio x superproteção
    • orientação x paternalismo
    • informação x omissão e confusão
    • disciplina adequada x submissão conformista
    • questionamento construtivo x rebeldia irresponsável
    • sensibilidade e criatividade x manipulação e “fofoca”
    • competência x “jeitinho”
  • Mudanças nas relações e criação de opções mais produtivas : transações cruzadas OK.
  • Clima na equipe e estímulo para crescer


Construção de Equipes

Equipes não acontecem por acaso. Equipes se constroem com informações, ações e atitudes que facilitem a operação e o relacionamento entre as pessoas.

Este é um Seminário para supervisores ou gerentes que desejam criar uma equipe com ótimo desempenho. São eles os responsáveis por desenvolver seu grupo e, para isso, precisam conhecer mais sobre o funcionamento dos grupos de produção. Muitas vezes, é justamente o líder quem mais dificulta o desenvolvimento de seu grupo e a cooperação efetiva.

Conteúdo desenvolvido

  1. Os desafios de ser membro de uma equipe
    • As variáveis a considerar no processo grupal
    • As etapas que cada membro precisa ultrapassar
    • As personalidades e as diferenças entre os membros
    • Como selecionar os membros de sua equipe
  2. O que é uma equipe de trabalho
    • As etapas de evolução de um grupo
    • Os grupos de trabalho “encalhados” em pressupostos básicos:
      • Dependência x independência x interdependência
      • Agressividade x evasão x diálogo
      • Competição x corporativismo x co-operação
    • A operação e as emoções do grupo refinado ou equipe
    • O papel do líder na criação e manutenção da equipe
  3. Os desafios de construir uma equipe:
    • A personalidade do líder (o poder) e as possibilidades do grupo
    • Os passos essenciais de um líder de grupo
    • A consideração do equilíbrio indivíduo / grupo
    • Os elementos-chave da comunicação do líder com o grupo
    • O contexto organizacional, o líder e a equipe


Negociação na Venda de Idéias, Produtos e Serviços

Desde pequenos precisamos negociar. As crianças são muitas vezes excelentes negociadoras, uma vez que têm de lidar com adultos mais poderosos que elas. E, ao longo da vida, as inúmeras situações de divergência de interesses com que nos defrontamos são oportunidades para negociar, tanto em casa quanto no trabalho. Negociamos para vender, para comprar, para solucionar situações difíceis… Este Seminário pode aplicar-se a diferentes contextos: vendedores, profissionais que precisam vender idéias e gerir conflitos, compradores, negociadores etc.

Conteúdo desenvolvido

  • As técnicas de programação neurolinguística nos contactos que envolvem negociação.
  • A negociação: conteúdo e processo
  • As atitudes do negociador e o princípio do Aikidô.
  • Parcerias: relacionamento baseado em negociações bem conduzidas.
  • Metas fixas e processo flexível
  • As etapas do processo de negociação
    • Preparação
    • Entrevista de negociação
    • Pós-negociação e follow-up: acompanhamento do acordo, manutenção do relacionamento e avaliação de resultados.
  • Técnicas para criar empatia
  • Técnicas para descobrir a estrutura de pensamento do outro negociador e formas de se alinhar com essa estrutura.
  • Técnicas para lidar com objeções e resistências.
  • Fechamento e definição precisa dos compromissos.
  • Acompanhamento das ações negociadas.


ASSERTIVIDADE E INFLUÊNCIA: O DESAFIO DA LIDERANÇA

Venham para a beira, disse ele.
Eles disseram: temos medo.
Venham para a beira, disse ele.
Eles foram.
Ele os empurrou… e eles voaram.

Guillaume Apolinaire

Ser um líder construtivo nas empresas brasileiras de hoje é ser um educador. Os líderes de que precisamos são aqueles que criam novos líderes em suas equipes.

Este Seminário pode ter dois enfoques: para gestores em estrutura hierárquica ou para gerentes de projeto em estruturas matriciais.

Conteúdo desenvolvido

Liderança: uma relação de influência.
Liderança: líder x liderados x contexto.
Cada líder tem o grupo que merece ?

  1. O líder:
    • Líderes e Gestores nas empresas
    • Liderança e Poder: de que poderes o líder dispõe.
    • Tipos de líderes. A legitimidade do líder.
    • Autoconsciência do líder e feedback do grupo.
  2. Os liderados:
    • Características essenciais do grupo.
    • O estilo de liderança adequado ao grupo.
    • A comunicação entre líder e liderados: assertividade e influência.
  3. O Contexto:
    • Cultura organizacional e liderança: que tipo de líder a empresa cultiva na prática.
    • Estratégia empresarial e liderança: que tipo de líder a empresa precisa cultivar para evoluir.
    • As práticas de gestão que favorecem a liderança evolutiva.


Gestão do Desempenho

Este seminário dirige-se especialmente a gestores, e seu conteúdo adapta-se ao nível de gestão dos participantes. Podem ser gerentes, supervisores ou coordenadores que tenham grupos sob seu comando direto. Também é personalizado conforme o ramo de atividade da empresa.

Conteúdo desenvolvido

  • O papel do gestor:
    • A atitude do gestor e suas conseqüências na comunicação e na gestão do grupo.
    • Bandos, grupos e equipes: regras e produtividade.
    • Gestão: objetivos e planejamento; acompanhamento e controle.
    • Gestão: motivação, comunicação e organização dos processos.
    • As dimensões essenciais de um grupo de trabalho: metas, processos, papéis e comunicação.
    • Análise do desempenho do gestor e dos colaboradores.
  • O gestor e sua conduta:
    • A comunicação do gestor com seus colaboradores: precisão nas informações, compreensão das diferenças entre os colaboradores, atitude construtiva diante das frustrações.
    • A gestão pelo acerto e o crescimento do grupo.
    • Conhecendo os membros do grupo: informações, motivação e potencial.
    • Desenvolvendo os membros do grupo: definição de expectativas, feedback eficaz e mudança de comportamento, valorização das atitudes desejadas.
    • Administrando conflitos


Seminário Técnicas de Apresentação

Este seminário dirige-se especialmente àqueles que participam de reuniões e encontros empresariais em que precisam fazer apresentações com objetivos variados, desde a venda de uma idéia nova até explicações técnicas sobre um procedimento.

Conteúdo Desenvolvido

Trabalho prévio: Cada participante gravará em vídeo um exercício de apresentação que será enviado à consultoria até 8 dias antes da realização do evento. Esse trabalho servirá de base para a aprendizagem de cada um.

  1. Definindo o objetivo de minha apresentação:
    • As 4 possibilidades ( Kinneavy).
    • As expectativas da situação e a imagem e sensações que se deseja criar.
  2. Planejando a apresentação:
    • Montando uma estrutura de comunicação que sirva aos objetivos.
    • O público: tamanho, características, desejos e riscos.
    • O local e os recursos disponíveis.
  3. Os equipamentos e recursos técnicos a utilizar.
    • Recursos técnicos habituais e dosagem do tempo.
    • O Powerpoint e o impacto sobre o público.
  4. Estratégias de comunicação verbal e não verbal para envolver meus ouvintes.
  5. As 4 chaves de uma boa apresentação:
    • Informação
    • Diversão
    • Aprendizagem
    • Motivação
  6. A preparação do apresentador:
    • Preparando minha mente
    • Preparando minha imagem
    • Postura
    • Tom de voz
    • Movimentação
    • Expressão facial
  7. Trabalho final

Tel.(21)99613-4737

MATTRIX CURSOS
Telefone:(21)99613-4737
end: Av. Jornalista Ricardo Marinho 300/1605 - Barra da Tijuca
email: mattrix@mattrixcursos.com.br